Armazenamento

COMO MANTER A SEGURANÇA AO UTILIZAR CONTAINER IBC?

O container IBC é uma espécie de recipiente para armazenar produtos a granel. Por ter estrutura rígida e segura, este reservatório se tornou o predileto para o transporte e o armazenamento de produtos perigosos ou não.

Justamente por abrigar conteúdo passível de contaminação, a construção, o armazenamento e o transporte do container IBC devem seguir normas específicas. Assim, garante-se a segurança dos manipuladores e do local.

Continue conosco para conhecer o contentor e saber como manipulá-lo, de forma segura, para o armazenamento de produtos perigosos e as formas de evitar acidentes.

Conheça as características do container IBC

O contentor IBC – sigla em inglês para contentores intermediários para produtos a granel – tem capacidade de 450L até 1000 litros. O armazenamento interno pode abrigar carga líquida, sólida, pastosa e gases.

Há ainda duas categorias de container, e a escolha depende da substância transportada. Confira os modelos:

  • Flexível: contentor fabricado com polipropileno ou polietileno, por isso, pode carregar materiais de baixo risco. Sua flexibilidade ocorre por ter seu volume reduzido ao ser esvaziado, o que facilita, portanto, sua armazenagem durante desuso;
  • Rígido: construído com aço inoxidável, aço carbono, PEAD ou composto de aço inoxidável e PEAD. Por isso, esta categoria de contentor pode armazenar substâncias para grupos de embalagem I ou II – substâncias de alto e médio risco, respectivamente. Além disso, este modelo facilita o transporte por já ter integrado, em sua base, um pallet metálico.

O container IBC pode, ainda, tornar-se uma solução mais sustentável a outros contentores. Fabricado e manipulado por empresas que prezam pela qualidade do material, tanto o modelo flexível quanto o rígido podem ser recondicionadas para uso, por meio de logística reversa – após passar por vistoria que garanta a descontaminação e a possibilidade de reuso.

Medidas de segurança na manipulação dos contentores IBC

Outra facilidade do container IBC é a integração de torneira para escoar o produto interno. Assim, o contentor mostra-se uma opção mais segura e superior aos tambores, ao impedir o risco de derramamento pela retirada manual do conteúdo.

Tanto no transporte quanto no armazenamento do container, o uso de bacias de contenção para IBC garante que qualquer quantidade vazada seja contida. Por isso, ainda que facultativo, a proteção com a bacia garante o escoamento do conteúdo vazado, por também contar com torneira.

A portaria 204-97 do Ministério do Trabalho permite ainda o empilhamento dos contentores, contanto que sejam projetados para suportarem ser empilhados. Os ensaios de desempenho definidos pelo INMETRO envolvem desde o içamento do container pela base e pelo topo até o empilhamento – nesse último tendo como exceção os modelos flexíveis, que impedem o empilhamento – dentre outros ensaios que comprovem nenhum dano durante a realização.

Dessa maneira, o container IBC prova-se uma opção confiável para transporte interno na planta industrial quanto na logística externa. Por ser fabricado com material resistente, o IBC pode inclusive voltar-se para estocar matéria-prima em ambientes úmidos, como câmaras frigoríficas, ou em exposição a altas temperaturas, conforme a tolerância de reação do material interno.

Posts Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.