Setor Elétrico

Cuidados no abastecimento do grupo gerador a óleo diesel

O grupo gerador é um equipamento com o objetivo de continuar gerando energia em casos de queda ou apagão, usado principalmente em locais onde a interrupção de energia é prejudicial à rotina de atividades. Por isso, é comum sua instalação em hospitais, obras da construção civil, supermercados, eventos de grande porte (shows, convenções, bienais etc.), aeroportos, entre outros.

Para garantir o suprimento ininterrupto, é essencial tomar alguns cuidados na manutenção, principalmente no abastecimento do grupo gerador.

bacia de contenção

Conhecer as formas de abastecer o equipamento, a manutenção preventiva e os cuidados no manuseio é importante para evitar prejuízos financeiros e ambientais. Vamos conferir como?

Como é feito o abastecimento do grupo gerador a diesel

O grupo gerador era abastecido somente com diesel e enxofre, que tem alto poder contaminante. Por isso, a legislação mudou, e agora o abastecimento do grupo gerador passou a receber biodiesel – derivado de gordura vegetal ou animal –, atualmente compondo 10% (com discussão de aumento para 20%) do total do combustível.

Esse aumento visa à diminuição de enxofre na composição e, portanto, o impacto ambiental da queima do óleo diesel.

Contudo, a presença do enxofre tem a função de impedir a formação de micro-organismos, como fungos e bactérias, no combustível, por ter ação biocida. Isso significa que o abastecimento do grupo gerador era esporádico.

Agora, com a adição do biodiesel, o abastecimento do grupo gerador deve ser realizado com frequência, já que concentra muito hidrogênio – o que propicia ambiente para a formação de micro-organismo e crostas.

Por isso, os cuidados no abastecimento do grupo gerador envolvem:

  • Consumir todo o combustível em até 30 dias, caso não seja tratado;
  • Manter o tanque, sempre que possível, no máximo ou próximo do limite, a fim de impedir que ocorra higroscopia (condensação de água), sua degradação e a queima de mais combustível do que o necessário;
  • Seguir à risca a data estipulada pelo fabricante na substituição dos filtros;
  • Descartar mensalmente o combustível não consumido ao final desse período, pois após 30 dias ele estará deteriorado – há empresas especializadas que avaliam o combustível para verificar se é possível ou não sua revitalização.

É possível prolongar o período de consumo do combustível?

Para prolongar o período do abastecimento do grupo gerador a biodiesel, é possível adicionar estabilizadores/otimizadores de óleo diesel no combustível. Assim, o equipamento conseguirá funcionando com o combustível, sem necessitar do descarte, por até seis meses.

O estabilizador deve ser aplicado na proporção de 1:500 – um litro de estabilizador para cada 500 litros de óleo diesel. Essa concentração deve ser corrigida a cada aplicação, adicionando a mistura conforme a quantidade de óleo diesel abastecido no tanque.

Após chegar aos seis meses desde o primeiro abastecimento, é necessário descartar o combustível restante não consumido ou avaliar, com uma empresa especializada, se é possível a revitalização.

Importante mencionar também que, para garantir segurança durante a troca do combustível – e até mesmo durante seu funcionamento –, a aplicação de uma bacia de contenção sob o grupo gerador impede o vazamento do óleo diesel para o ambiente do local.

A bacia de contenção para geradores é uma aliada importante para prevenir que a substância vazada contamine o solo ou seja fonte de acidentes.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *