Meio Ambiente

O que são emergências ambientais envolvendo produtos perigosos?

Empresas de armazenagem e transporte de produtos químicos, assim como aquelas que contenham geradores e combustíveis, devem ter cuidado e atenção especiais quando se trata de emergências ambientais.

E quais são essas emergências? E como preveni-las? É o que veremos, a seguir, neste artigo.

Emergências ambientais

A ação do homem sobre o planeta tem causado inúmeros impactos ao meio ambiente. Temos visto ao redor do mundo o avanço do mar, degelo das camadas polares, efeito estufa, desmatamento e uma série de problemas todos os dias.

Dessa forma, nossa vida acaba sendo afetada negativamente por conta de nossas ações diárias. Como se não bastasse, ainda há acidentes envolvendo produtos perigosos, ocasionados muitas vezes por negligência ou por falta de orientação técnica.

Emergências ambientais são esses acidentes (ou a iminência deles) cuja ocorrência resulta em prejuízo para o meio ambiente.

São vazamentos e derramamentos de produtos químicos que afetam a vida de pessoas, flora, fauna, solo, enfim, de toda a biodiversidade.

Fatos que marcaram

Há diversas ocorrências de acidentes com esses produtos perigosos que marcaram vidas e a lembrança de todos:

  • Cubatão em São Paulo em 1984 – vazamento de gasolina;
  • Chernobyl na Ucrânia em 1986 – explosão de usina nuclear;
  • Fukushima no Japão em 2011 – acidente nuclear devido a um tsunami;
  • Goiânia em 1987 com o Césio 137 – acidente por conta do descarte irregular de material radioativo;
  • Mariana em Minas Gerais, no ano de 2015 – negligência da empresa no armazenamento de dejetos;
  • Brumadinho em Minas Gerais, agora em 2019 – reiterada negligência da mesma empresa.

Esses desastres famosos tiveram um alto impacto devido às enormes proporções de suas consequências. Entretanto, a incidência ou mesmo a possibilidade de acidentes menores é fato corriqueiro nas mais diversas regiões do mundo.

Por esse motivo, é de suma importância que empresas que trabalham com produtos químicos tomem as devidas precauções com o intuito de impedir ou, caso seja impossível, minimizar os danos provocados por tais acidentes.

Prevenção de Acidentes Ambientais

É certo que o avanço tecnológico tem permitido ao homem desenvolver e descobrir substâncias que facilitem seu dia a dia. Contudo, não se deve perder de vista que, se manipulados de forma incorreta, esses produtos, por vezes perigosos, podem ocasionar mais malefícios do que benefícios.

Vejamos exemplos de quais ações e medidas são necessárias para impedir que isso ocorra:

Responsabilidade compartilhada

Empresas, Governo e toda a sociedade têm de ser conscientizados dos riscos que envolvem esses produtos, pois a responsabilidade de cuidar do meio ambiente realmente é de todos.

Além disso, aqueles que fazem uso de tais substâncias perigosas devem utilizar equipamentos, materiais e todos os meios disponíveis para que este planeta em que vivemos e do qual dependemos, continue belo e exuberante. Afinal, é a nossa casa.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *