Segurança do Trabalho

Existe diferença entre armazenagem e estoque de produtos químicos?

Os termos armazenagem e estoque de produtos químicos são comumente confundidos dentro da própria indústria. Entretanto, é importante entender que eles correspondem a dinâmicas e processos muito diferentes.

A armazenagem está relacionada à guarda de um produto pronto e acabado.  Tais produtos saem do seu destino de armazenamento direto para a comercialização. Já a estocagem se refere à matéria-prima e insumos que são guardados para a utilização em um processo produtivo.

Assim, a gestão de estoque de produtos químicos é tarefa fundamental em empresas que se preocupam, principalmente, com os impactos ambientais que esses tipos de produtos podem causar, como acidentes e outras situações de grande perigo.

Procedimentos de segurança para os estoques de produtos químicos

Atualmente, muitas organizações optam por manter um estoque menor de produtos com o intuito de conquistar vantagens. Afinal, o bom gerenciamento é capaz de reduzir os riscos operacionais relativos ao ciclo produtivo e, claro, aos cuidados sanitários.

Assim, o estoque de produtos químicos deve obedecer a determinados procedimentos de segurança, tais como:

– Sistema de ventilação adequado, bem como a sinalização do local, lista de produtos ali existentes, saída de emergência e distância considerável entre área administrativa e de armazenagem;

– Disponibilização de equipamentos de proteção individual e coletiva para funcionários e pessoas que circulam naquele ambiente;

– Refrigeração ambiental, iluminação com lâmpadas à prova de explosão, presença de extintores e prateleiras espaçadas com trava frontal para evitar quedas;

– Local de armazenamento com janelas para o exterior, portas de acesso e sistema de exaustação para retirada de gases pesados;

Além disso, o mercado de desenvolvimento de sistemas para contenção ambiental vem se aprimorando cada vez mais. Desse modo, é possível encontrar produtos especialmente concebidos para o setor industrial e que auxiliam nos procedimentos de segurança para o estoque de produtos químicos. Conheça, agora, dois deles:

1 – Bacias de contenção para tambor

Essa bacia é capaz de conter vazamentos e derramamentos dos mais variados produtos em tambores de até 200 litros. Produzido com material de altíssima resistência química e mecânica, as bacias de contenção são muito flexíveis, facilitando, assim, a mobilidade em qualquer espaço.

Leve e portátil, esse tipo de bacia evita a ocorrência de acidentes que causem danos ao meio ambiente, sendo indicada para a contenção de óleos, graxas, estopas contaminadas, além de servir para manutenção e prevenção.

2 – Bacias de contenção para pallets

A bacia de contenção para pallets é fabricada para impedir que líquidos perigosos, químicos e inflamáveis armazenados nesses estrados contaminem o meio ambiente. É um dos produtos com o melhor custo-benefício do mercado brasileiro.

Fácil de transportar e limpar, esse equipamento é altamente resistente, o que lhe provê um período de vida útil longo, sem mencionar o fato de ser fabricado com material ecologicamente sustentável.

Quer saber mais sobre como lidar com o estoque de produtos químicos de maneira segura? Acesse o nosso blog e confira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *