Sustentabilidade

Preservação ambiental e sustentabilidade, quais são as conquistas e desafios?

Você certamente já ouviu falar sobre preservação ambiental e sustentabilidade. Afinal, são termos que englobam a capacidade do ser humano de utilizar recursos naturais sem prejudicar o meio ambiente e comprometer gerações futuras.

Embora cada cidadão tenha responsabilidade pela forma como interage com a natureza e seus recursos, é papel dos governantes investir no desenvolvimento de políticas públicas que garantam a preservação ambiental.

Como garantir a preservação ambiental e sustentabilidade no país?

A criação de normas sobre a exploração dos recursos naturais é essencial para inibir a exploração. Nesse aspecto, a legislação ambiental é uma das principais conquistas brasileiras quando se fala em preservação ambiental e sustentabilidade.

  • Lei dos Crimes Ambientais (define punições pertinentes);
  • Plano de Emergencial Individual (para casos de vazamento de óleo);
  • Política Nacional de Resíduos Sólidos (estabelece que todo o lixo produzido deve ser processado antes de descartado).

Preservação ambiental e sustentabilidade

Embora esses avanços sejam relevantes, o Brasil ainda possui alguns desafios importantes que devem ser enfrentados nos próximos anos.

Reduzir a poluição

Um dos principais desafios do país para os próximos anos está relacionado à redução da poluição e da diminuição do efeito estufa. Por exemplo, é necessário pensar em modelos de automóveis que não queimem combustível fóssil para obter energia.

Além disso, é necessário conscientizar a população sobre os efeitos (aumento da temperatura da terra, derretimento de geleiras, desequilíbrio dos ecossistemas, entre outras) causados pela emissão de CO2 na atmosfera.

Proteger a biodiversidade

preservação ambiental e sustentabilidadeTodo exemplar da fauna e da flora brasileira possui uma função específica para os diferentes ecossistemas que habitam. Apesar disso, muitas dessas espécies são vulneráveis ou estão em processo de extinção.

O desafio, nesse caso, engloba não apenas a conscientização da população sobre a importância de cada um deles, mas intensificar a fiscalização promovida pelo governo em relação ao cumprimento das leis que regem a exploração ambiental.

Reduzir o consumo de água

O desperdício e o consumo desenfreado de água, esse último muito relacionado ao setor agropecuário, são responsáveis por problemas de abastecimento e pelo desequilíbrio do meio ambiente.

É necessário fiscalizar as indústrias e incentivar a população sobre a importância de consumir recursos hídricos de forma mais consciente.

Buscar novas fontes energéticas

As principais fontes de energias utilizadas atualmente (carvão mineral e petróleo, por exemplo) são bastante poluentes e não duram para sempre. Sendo assim, é fundamental que o poder público priorize uma produção mais limpa e renovável de energia.

Modernizar a agricultura

A modernização da indústria agropecuária talvez seja um dos principais desafios brasileiros. O setor é um dos mais importantes para a economia, ao mesmo tempo em que é o principal responsável pelo desmatamento, pela degradação dos solos e pelo consumo desenfreado de recursos hídricos.

O principal desafio é investir no desenvolvimento de novas tecnologias que possibilitem o crescimento do setor de forma menos agressiva ao meio ambiente.

Em resumo, os desafios do Brasil no quesito preservação ambiental e sustentabilidade consistem em aliar o desenvolvimento industrial, o desenvolvimento urbano e a preservação do meio ambiente.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *