Sustentabilidade

O que é investimento ESG e o que ele significa?

Com o crescimento mundial da demanda por ações sustentáveis, especialmente por parte de empresas e indústrias, não é de se estranhar que o investimento ESG esteja ganhado mais espaço na economia.

Os especialistas já apontam que, com o tempo, será um dos critérios mais importantes para alocação de recursos financeiros e naturais. Logo, é hora de entender melhor.

O que é investimento ESG e o que ele significa?

A sigla ESG vem do termo em inglês Environmental, Social and Governance, que pode ser traduzido por Ambiental, Social e Governança, pontos a serem observados na hora de realizar investimentos.

Na prática, significa que ao optar por realizar um investimento ESG, o acionista, investidor, órgão de crédito, enfim, terminará por dar preferência às empresas que se preocupam e agem em prol do meio ambiente, do bem-estar social e da ética nos negócios.

Critérios a serem levados em conta

Se antes as questões econômicas eram as únicas levadas em conta ao realizar investimentos, hoje, esse cenário está mudando com velocidade, uma vez que o critério econômico é apenas um entre outros que vêm se mostrando até mais importantes e com maior relevância. Dentre eles, os três resumidos na sigla ESG.

Sendo assim, vale a pena conhecê-los mais de perto:

  • Environmental (Ambiental)

Empresas que se preocupam com questões relacionadas ao meio ambiente são aquelas que buscam o uso consciente e racional dos recursos naturais, reduzem a emissão de poluentes, resíduos, adotam práticas para maior eficiência energética e de gestão de efluentes.

Outro ponto levado em consideração por essas empresas são a emissão de CO2 e gás metano, que produzem o efeito estufa, além dos produtos e serviços oferecidos por ela, quando voltados ao cuidado com o meio ambiente e às pessoas;

  • Social

As questões sociais que têm sido apontadas pelas empresas e são bem vistas pelo mercado de investidores estão relacionadas à privacidade e uso de dados, envolvimento com a comunidade e proteção dos direitos humanos.

Como se não bastasse, é cada vez mais frequente a valorização das empresas preocupadas com assuntos trabalhistas, treinamento de seus funcionários, valorização da equipe em que atuam, a fim de incluir pessoas e apostar na diversidade de seus funcionários;

  • Governance (Governança)

Quando se fala em governança, está-se falando dos processos internos e organizacionais da própria empresa, como a ética e a transparência em suas ações, tomadas de decisão e boa estrutura dos comitês fiscais e de auditorias.

Assim, conselhos administrativos independentes, políticas claras de remuneração dos altos administradores e diversidade na composição do conselho são sempre observados e vistos de maneira positiva pelos investidores, pois caracterizam empresas sólidas e estáveis.

Por que cada vez mais pessoas realizam investimento ESG?

Com as demandas por maior profissionalismo, ética e respeito ao meio ambiente, é compreensível que mais pessoas tenham optado pelo investimento ESG. Além disso, hoje há incentivos fiscais e de crédito a empresas que se comprometem com questões ESG.

Logo, entende-se que as chances de crescimento de um negócio engajado com essas pautas são muito maiores. Ademais, há o fator consciência: é melhor investir em empresas que tenham postura correta e coerente do que naquelas que se empenham apenas na corrida por lucros.

Por fim, no mundo, empresas preocupadas com o ESG são as que mais crescem e ganham espaço. Na Europa e Estados Unidos, por exemplo, o investimento ESG cresceu 11% e 19%, respectivamente, uma tendência já observada no Brasil. Por esse motivo, vale a pena investir.

Um pensamento sobre "O que é investimento ESG e o que ele significa?"

  1. Guilherme disse:

    Excelente artigo. As empresas precisam investir no ESG para diminuir os impactos ao meio ambiente.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *