Setor Marítimo

Logística portuária: quais os desafios enfrentados?

Logística portuária quais os desafios enfrentados

A viabilização de uma boa e eficiente logística portuária é imprescindível à economia brasileira, principalmente se levarmos em consideração que pelo menos 90% de tudo o que exportamos é feito por meio de rios, mares e oceanos.

Apesar de importante, esse setor é o que menos recebe investimentos do Governo. E mesmo com a informação divulgada pela Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq) de que o setor cresceu pouco mais de 3% no início de 2018, pouca coisa  mudou.

Os desafios da logística portuária no Brasil

Com uma grande demanda que deve atender a uma série de produtos e origens bastante distintas, a logística portuária brasileira já possui diagnóstico pronto, sofrendo com duas principais causas de sua visível precariedade:

– A burocracia

É o resultado de uma série de processos complexos que faz com que as mercadorias que chegam ao país, por exemplo, levem mais de uma semana para serem efetivamente liberadas;

– Estrutura inadequada

Grande parte dos portos brasileiros possui estrutura completamente defasada e incapaz de dar conta de todo o serviço, tornando, assim, o processo mais lento que o normal.

Segurança e proteção ambiental para uma logística eficiente

Fica evidente que a logística portuária não deve apenas trabalhar para tornar suas transações mais ágeis e simples, mas objetivar, principalmente, a adoção sistemática de práticas que levem em consideração a preservação do meio ambiente e a segurança das pessoas.

Nesse sentido, os desafios citados anteriormente apresentam possibilidades de correção quando se pensa na qualidade logística e seus pontos mais fundamentais, tais como o investimento em equipamentos adequados e aqueles que promovam o menor impacto possível no meio ambiente. Confira alguns deles:

– A bacia de contenção

Utilizada contra derramamentos ou vazamentos, a bacia de contenção é flexível na medida certa, de acordo com as necessidades de cada operação. Desenvolvida para conter o vazamento de substâncias químicas, ela possui alta resistência mecânica e é totalmente reutilizável;

– O dispositivo de contenção interno para contêiner

Utilizado para prevenir o vazamento de materiais durante o transporte intermodal, o dispositivo de contenção possui aplicação rápida e ajuste perfeito. Resistente às substâncias líquidas e pastosas, ele é capaz de ser descontaminado e reutilizado sempre que necessário;

– Modelos sob medida

Por se tratar de um segmento bastante amplo e que deve estar muito atento às condições de segurança para o transporte e armazenamento de mercadorias, o setor faz com que os modelos sob medida sejam altamente requisitados, já que são especialmente concebidos e executados de acordo com as necessidades de logística portuária de cada empresa.

Assim, se os desafios da logística portuária estão intimamente ligados às questões de estrutura dos portos brasileiros, fica mais do que comprovada a importância da aquisição de produtos direcionados ao segmento e que, de fato, atendam aos requisitos de segurança e preservação ambiental.

Para saber mais sobre as dificuldades enfrentadas na logística portuária brasileira, assim como a importância dos dispositivos de contenção ambiental para uma indústria mais sustentável, visite o site da Antaq (Agência Nacional de Transportes Aquaviários), a revista eletrônica especializada negocioemtransporte.grupott.com.br e o site no MMA – antigo.mma.gov.br

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *